5 de dez de 2016

05-12-2016


Hoje não consigo dormir, estou fora de mim. Pensamentos tomam conta da mente e o corpo reage, fica alerta, aceso.
A cabeça dói, dói muito, segundo dia com ela assim. Tento pensar de maneira ordenada, criar uma linha de pensamento, ou simplesmente esvaziar a mente e dormir. Mas as tentativas são em vão. Estava em um período relativamente bom, sem insônias, cambaleando às vezes.
Essa madrugada não é como as outras, algo dói, algo inquietada parecendo uma navalha, algo pressiona o peito, mas ainda assim é noite, ainda assim consigo com esforço respirar.
A noite está quente, mas o céu continua lá, e sei que enquanto puder olhar para o alto e avistá-lo, estarei bem.

Karlinha Ferreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário