29 de out de 2013

Quietude


Gosto de sentir a quietude em mim...
Gosto desses dias de paz, onde meu coração está calmo, sereno, aonde meus sonhos vêm para mais perto e onde a urgência não me desespera.
É bom cuidar da mente, e reconhecer nossos limites, quanto mais nos conhecemos, mais aprendemos a respeitar nossas limitações. Dentro desse contexto, aprendemos também a nos superar.
Nada melhor do que conhecer a nós mesmo. Além de crescer, as pessoas também perdem o poder de nos ferir com a verdade, ao menos sobre a verdade de quem nós somos. Ás vezes reconhecer que somos mais vaidosos, mais egoístas, e mais mesquinhos do que pensávamos é o primeiro passo para mudar.
Nada causa tanta mudança quanto à consciência que chega a nós com o autoconhecimento.
Que a energia tranquila e calma nos cerquem, e que a mudança em busca de melhoria seja uma constante.


Karlinha Ferreira

17 de out de 2013

Carta 2


Sonhei com você...
Passei o dia pensando em você, o que é estranho já que há tempos não pensava.
Me flagrei pensando nas promessas que fizemos, que iríamos voar alto, embora que a gente não mais se visse, lembrei de como nossas energias se misturaram desde a primeira vez que nos vimos, foi uma conexão imediata.
Não cumpri a promessa que te fiz, não estou feliz nem realizada, ainda não consegui soltar todas as amarras, mas estou tentando ser alguém melhor, mas ás vezes é tão difícil... há momentos que quase posso ouvir sua voz me dizendo para que eu deixe minhas raízes se desprenderem um pouco do chão, e que minhas asas se voltem a favor do vento da vida. E eu dizendo, “estou tentando” e você “não é tentar Karlinha, é se deixar, não é a gente que toma o sentimento, lembra? É ele que nos toma...”.
Sua energia hoje está solta em mim, posso sentir essa energia livre, essa energia que sabe o que quer, e que sabe que está na vida apenas pra vivê-la da forma mais intensa e simples possível.
A sensação de ter você perto me acalmou, e meu espírito teve sua energia renovada, as lembranças me lembraram de que eu preciso de liberdade para voar sem medo. No meu sonho você estava sorrindo pra mim, e seu olhar continuava falando enquanto sua boca permanecia fechada, simplesmente igual, no meu sonho conversávamos e embarcávamos em vários devaneios, daqueles que faziam com que nossos olhos brilhassem e que somente nós entendíamos.
No meu sonho você me olhava com ternura e eu tocava seu rosto... Obrigada pela energia positiva, obrigada por você ter me alcançado, mesmo que em sonho.

“Largue-se e você será muito mais do que jamais sonhou ser.”
(Janis Joplin)


P.S. Das cartas que nunca enviei.

Karlinha Ferreira