8 de dez de 2015

09-12-2015




Com o tempo aprendi que provar a todo custo que você está certo, pode custar muito. E que isso nem sempre é o mais importante.
Aprendi que não vale a pena a briga, o desgaste, o se fazer entender, principalmente quando se há tanto em jogo.
Sinceridade é uma virtude e sempre será, só há um problema na sinceridade: é que podemos estar sinceramente errados. Mas sei que algumas coisas são difíceis de se superar, são difíceis de conseguir e quando conseguimos, nos sentimos assustados com qualquer coisa que possa fazer com o que conquistamos tão ardentemente seja sabotado, embora isso não seja uma realidade, o pavor nos faz pensar que sim, estamos certo.
A idade me mostrou que o tempo leva tudo, o que a gente quer e o que a gente não quer e que em dado momento, é melhor recuar mesmo estando com a razão do que perder. Só quem conquista determinadas coisas, só quem sente sabe o quão difícil seria está com a razão, certo, e perder. Hoje optei em errar, mesmo conscientemente. Estou verdadeiramente certa nisso.
Quero que as pessoas tenham o que eu aparentemente não estou pronta para administrar. Amor, paixão, durabilidade.
“O que eu desejo a você é que os deuses do amor estejam a te proteger e que o verão do seu sorriso nunca acabe”
Karlinha Ferreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário