25 de ago de 2011

Esvaziar



Uma mente sendo bombardeada...
Coisas a fazer...
Postura a serem tomadas...
Prazos...
Tempo, o curto tempo...
Vontade de deitar.... a tentativa falha de esvaziar, de flutuar, de se desprender.
Choro, mas não de tristeza. Desespero.
Ficar num canto quieta, é a única pretensão, ficar quieta, parada e se esvaziar.
Com essa quantidade de informação eu não consigo me concentrar, não consigo parar.
Sei que não sou a melhor pessoa do mundo. Sei que tenho que melhorar...
Sei que tenho que me dedicar mais... Mas com tudo isso gritando ao mesmo tempo eu não consigo fazer o que preciso...
Vocês precisam se calar...
Eu preciso dormir, preciso de um tempo sem vocês...
Preciso estar mais perto de mim mesma e só assim conseguirei respirar.


Karlinha Ferreira

5 comentários:

  1. Tantas e tantas vezes caio nesse desespero também, Karlinha, de ter milhares de coisas pra fazer e não saber ao certo por onde começar...E pior : achar que tenho poderes mágicos e que darei conta de tudo sem trégua.

    O negócio é respirar, estabelecer prioridades e se dedicar a elas.

    Um beijo, flor.

    ResponderExcluir
  2. oi Karlinha querida,que foi meu anjo,que aflição é esta? ja estava sentindo sua falta,saudades de vc,bjos.

    ResponderExcluir
  3. Minha mãe sempre me dizia:O que não tem solução solucionado está...
    Eu levo comigo este ensinamento, poia já fui uma pessoa que queria abraçar o mundo, hoje faço o que está em minhas mãos.

    Beijão Karlinha e ótimo final de semana!

    ResponderExcluir
  4. Moça,

    Estou voltando...

    Cuide-se. Deus precisou de sete dias para criar o mundo. E Ele é Deus.

    Suzana/LILY

    ResponderExcluir
  5. Concordo com a Lily...
    Bjooooooooooooo...saudades do teu cantinho!

    ResponderExcluir